Inteiramente lindas!

03/02/2013

Retenção de líquidos: O que é e o que fazer


Olá LINDAS leitoras do blog!

O assunto deste post foi sugerido pela leitora Elisangela Strapasson  e achei pertinente trazer informações a respeito, pois por trás da “retenção hídrica”, como dizem os especialistas, pode estar escondida alguma doença.

Esta matéria foi escrita pela nutricionista Juliana Tomandl. Compreenda o que é e o que fazer para combater o inchaço e ficar com o corpo e a saúde em dia.

Retenção Hídrica: O que fazer?


Sabe aquela sensação de corpo inchado, pernas e pés pesadas e barriga inflada?

Então, isso pode ser retenção hídrica, que nada mais é que o acúmulo de água no interior da célula, resultado da oscilação hormonal ou mesmo da alimentação desequilibrada.

Pode indicar também problemas renais, cardíacos, ou ainda, disfunção na tireóide. Mas, na maioria das vezes, não é motivo de preocupação e, com pequenas mudanças em seus hábitos você pode aliviar ou mesmo evitar a retenção de líquidos. Mesmo assim, fique ligado em seu corpo e se com as medidas abaixo não resolver, procure seu médico para ele identificar o que está acontecendo de fato com você.

No período de tensão menstrual da mulher, pode haver uma oscilação de 2 a 4 Kg no peso devido à esse probleminha, tema desse post, acredita?

Se a mulherada fica irritada devido aos hormônios na TPM, imagine com esses quilos a mais? Ficarão uma fera e tenho que dar razão à elas, ou melhor à nós, pois todo esse peso, não nos pertence. É tudo culpa da água que resolveu visitar e se instalar, sem pedir permissão, dentro das células.

Mas afinal, como deve ser a alimentação de uma pessoa que possui retenção hídrica para ajudar a liberar essa água toda?


Deve-se evitar alimentos ricos em sódio, pois, como se sabe, ele adora acumular água dentro das células. Logo, deve-se evitar embutidos, temperos industrializados, alimentos em conserva, miojo, etc.

As vitaminas B1, B5 e B6, encontradas nos grãos integrais, nas carnes em geral, nos ovos, nos vegetais e nos laticínios desnatados ajudam o corpo a desinchar.

É importante dizer que os vegetais que são ricos em água são os que mais ajudam nessa atividade, tais como: melão, melancia, pepino, abacaxi, morango, erva-doce, agrião, alface, chuchu e berinjela.

Considerando isso, é claro que a água também entra na parada para ajudar.

Além do cuidado com a alimentação, pode-se fazer também drenagem linfática, que auxilia a liberar a água, as toxinas e os resíduos do metabolismo.

A atividade física é outra aliada para a eliminação de líquidos do organismo. O jump fit e os exercícios aquáticos são os mais indicados.


Beijo grande e sigam as dicas da nutricionista Juliana Tomandl!

Carla.

7 comentários:

  1. MUITO INTERESSANTE,EU TENHO UMA AMIGA QUE SOFRE MUITO COM ISSO.
    BEIJOSSS

    http://emagrecendocomanane.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Muito boa a matéria, amei as dicas! Gostaria de deixar registrado minha dica também, tenho usado um colchão terapeutico que tem me ajudado a eliminar os liquidos, veja o link Colchão Kenko Patto, a intenção era aliviar as dores, mas o vendedor disse que também eliminaria os liquidos, eu nao acreditei muito, mas percebi nos primeiros meses que comecei a "murchar", acredito que outros podem se beneficiar também!

    ResponderExcluir
  3. hééé isso ñ é brincadeira ñ então vamos ficar atentos né.

    ResponderExcluir